Janeiro 26, 2022

Portal Advogados

Artigos Jurídicos

Redução salarial para servidores: “Manobra arriscada”, dizem especialistas

2 min read

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), levantou polêmica ao defender redução salarial de concursados em meio à pandemia da Covid-19.

Na manhã de 24 de março, o parlamentar também citou que políticos dos três poderes também deveriam ter seus vencimentos reduzidos em “uma situação de guerra”, como ele define o combate ao coronavírus.

Para Maia, uma economia entre 15% a 20% por mês poderia auxiliar os cofres públicos, mas destacou que o assunto ainda será discutido. Já existe, inclusive, uma PEC do deputado Ricardo Izar (Progressistas). Para baixar, clique aqui.

Em comunicado em alguns grupos de redes sociais, porém, um recado de Fernando Mendes, presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe), afirmou que o assunto não deve ganhar força.

“Com a devida autorização, divulgo, e peço que divulguem entre os colegas, que o ministro Dias Toffoli acabou de conseguir o compromisso do Presidente Rodrigo Maia para parar os projetos de redução dos vencimentos dos servidores públicos. Importantíssima a liderança do presidente neste momento”, diz.

No dia seguinte, em 25 de março, Maia voltou a comentar que a situação vai exigir esforços, já que arrecadação do Brasil vai cair. “Precisamos readequar as despesas. Todos tem que ajudar. É uma situação que tem de ser conversada com o presidente, com o STF…”.

Após perguntado sobre a PEC que pode reduzir salários de servidores, Maia afirmou que acha que a matéria tem força. “O debate é importante, estamos fechando o texto para ele chegar forte. Os deputados querem conhecer a íntegra. A partir de segunda-feira, com o texto, poderemos avançar e dar as condições para que o governo construa soluções”, respondeu.

Fonte:

https://www.direcaoconcursos.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Sua Ideia Merece Um Site!